Carambola pode matar doente renal crônico, diz pesquisa

Ribeirão Preto – Uma pesquisa iniciada em 1996 na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da Universidade de São Paulo (USP), descobriu que a carambola possui uma neurotoxina (só atua no sistema nervoso) que pode levar os doentes renais crônicos à morte. “Pacientes com insuficiência renal estão proibidos de comerem o fruto ou o doce ou ingerirem o suco de carambola”, afirma o professor associado do Departamento de Bioquímica e Imunologia da faculdade, Joaquim Coutinho Neto. A cura dá-se com a hemodiálise.

Fonte:http://curapelanatureza.blogspot.com/2008/09/carambola-averrhoa-carambola-l.html

Em 35 casos documentados com doentes nessa situação, o médico-assistente da Divisão de Nefrologia do Hospital das Clínicas, Miguel Moysés Neto, constatou sete óbitos, dois anteriores ao início do estudo.

“A carambola é saudável, boa e rica em vitamina C, e só faz mal às pessoas que tenham insuficiência renal”, afirma Coutinho. Ele recomenda ainda atenção aos diabéticos que tenham lesão renal e epilépticos em tratamento.

Moysés acrescenta que os pacientes que fazem diálise peritonial e até os que não fazem a diálise também não devem alimentar-se de carambola para não correr riscos. Coutinho revela ainda outro detalhe curioso: a toxina da fruta age como um inseticida natural. E um inseticida comercial está em estudo.

A pesquisa começou quando Moysés recebeu um paciente que fazia diálise, de cerca de 54 anos, em agosto de 1996. Ele tinha sintomas estranhos, como confusão mental e soluços incoercíveis (intratáveis). Após 36 horas, ele morreu. Os exames clínicos nada constataram. A única diferença era que o paciente tomou antes um suco de carambola.

Moysés sabia que pesquisadores de Botucatu, em 1992, haviam citado que vários pacientes renais tiveram soluços quando um deles distribuiu carambolas aos colegas, antes de uma sessão. Os parentes nada apresentaram. Suspeitava-se que os frutos tinham agrotóxicos, mas não pesquisou-se e ficou uma lacuna na literatura médica até o surgimento do paciente de Ribeirão Preto, que tinha um pé da fruta no fundo do quintal, descartando a possibilidade do uso de agrotóxico.

Uma semana após a morte do paciente, Moysés atendeu outro que tinha tomado meio litro de suco de carambola. A hemodiálise curou-o e o médico avisou os demais que a carambola poderia ter uma toxina. Para confirmar isso, telefonou para Coutinho e pediu uma análise da fruta. Coutinho injetou sucos no sistema nervoso em cerca de 20 camundongos, verificando que todos tiveram convulsões – alguns morreram e outros tiveram um mal epiléptico. Porém, injetado no estômago, nada apresentaram.

Em seguida, o pesquisador tratou ratos com cloreto de mercúrio, provocando lesões renais crônicas nos animais, para simular um humano nessa situação. Aí, com o suco injetado no estômago, os ratos apresentaram soluços e convulsões.

“A neurotoxina da carambola, ingerida por uma pessoa normal que come a fruta, é absorvida pela digestão, filtrada pelo rim e excretada, sem sintomas”, diz Coutinho. “Mas, se o rim não funciona, essa toxina é absorvida, concentra-se no sangue, atinge os neurônios em concentração maior e provoca soluços e convulsões.”

A partir daí, intensificaram-se os estudos. Outros pacientes intoxicados foram atendidos, quatro morreram (de Divinópolis, Uberaba, São Paulo e Franca) – os outros dois, um de Ribeirão Preto e outro de Franca, morreram antes do início da pesquisa. “Um intoxicado grave morre até com o tratamento; a convulsão avançada é quase irreversível”, explica ele.

O primeiro trabalho publicado no mundo sobre esse assunto ocorreu em 1998, pela revista européia Nephrogy Dialysis Transplantation, quando Moysés e Coutinho descreveram os seis primeiros casos. Até setembro deste ano, o segundo trabalho, com 32 casos (não deu tempo de incluir os três últimos) será publicado pela mesma revista. Cientistas chineses publicaram um artigo nos Estados Unidos em 2000 também sobre a carambola com doentes renais crônicos, citando 20 casos e oito óbitos.

Coutinho diz ainda que a carambola tem dez variedades, com diferenças de uma para outra. As mais ácidas têm mais toxina e não bicham, enquanto as maiores e mais coloridas têm menos toxina. “A árvore, em sua evolução, selecionou a toxina para se defender do ataque das moscas das frutas”, diz o pesquisador. “É um inseticida biológico, natural.”

Ele diz que os agricultores podem plantar pés de carambolas ao redor dos pomares ou colocar frutos em pontos estratégicos para combater as moscas. O pesquisador tenta desenvolver um inseticida comercial a partir da toxina já purificada. Após determinar a estrutura química completa, será feita a síntese laboratorial para chegar-se ao inseticida, provavelmente no final de 2003, após testes de campo.

http://www.estadao.com.br/agestado/noticias/2002/mai/29/279.htm

AGÊNCIA ESTADO

Quarta-feira, 29 de maio de 2002 – 15h46

A carambola é rica em cálcio, ferro, fósforo e vitaminas como A, B e C. É indicada para combater febre, curar escorbuto e estimular o apetite, além de prevenir o envelhecimento, por ser rica em polifenóis. O chá da folha nova da carambola em jejum é bom para diabéticos.

A carambola também é indicada para tratar afecções renais. Entretanto, por conter grande quantidade de uma substância chamada carambotoxina, não pode ser usada por pacientes que sofrem de insuficiência renal, pois eles não são capazes de filtrar a toxina, que se espalha na corrente sanguínea e pode afetar o sistema nervoso.

O suco da carambola é usado para tirar manchas de ferro, de tinta e para limpar metais.Atenção: Devido ao ácido oxálico, a carambola não pode ser consumida em grande quantidade.

Para fazer o chá da carambola, coloque dez folhas novas e bem lavadas em meio litro de água e leve ao fogo. Quando ferver, desligue. Tome ao longo do dia.

Pacientes renais crônicos devem evitar de todas as formas o consumo de carambola pois esta fruta possui uma nefrotexina que pode causar convulsões, coma e até a morte em pacientes com doenças renais.
* Esta informação é de vital importância para portadores de diabetes pois estes têm tendência a desenvolver tal complicação.
** Porém, também encontrei a informação de que a decocção das folhas (da caramboleira, claro) é indicada para diabéticos.

Em algumas reportagens sobre o assunto a carambola é apontada como auxiliar na cura de problemas renais, diabéticos e pedras nos rins

Outras reportagens afirmam que a carambola cria pedras nos rins  devido ao acído oxalico.

Melhor consultar seu médico, certo?

A  carambola é considerada uma fruta febrífuga que serve para amenizar a febre.  A febre  não é doença e sim um sistema  de defesa do organismo. Antiescorbútica (que serve para curar a doença escorbuto – carência de vitamina C, e que se caracteriza pela tendência a hemorragias.

A carambola é usada na cura de *hemorróidas, diurética, vermífugo e antídoto contra venenos.

* O termo hemorróidas refere-se à condição na qual as veias ao redor do ânus ou reto inferior ficam inchadas e inflamadas.

A Câmara de Vereadores da cidade de Jaú, no interior de São Paulo, aprovou por unanimidade um projeto do vereador José Mineiro de Camargo (PSB) que obriga estabelecimentos como lanchonetes, bares, restaurantes, hospitais e repartições públicas municipais a afixarem cartazes alertando para o risco do consumo da carambola e do suco da fruta. A carambola tem uma toxina que pode matar portadores de insuficiência renal. A lei, que também estabelece aos donos de estabelecimentos que evitem a venda da fruta a pessoas que tenham complicações renais, vigora há menos de dois meses.
“É mais um alerta do que uma proibição às pessoas que têm insuficiência renal, para que não venham a sofrer as conseqüências. A carambola tem uma neurotoxina que, se não for filtrada, vai direto para o sangue. Se o paciente portador de insuficiencia renal comer a fruta, ele deve contar ao médico, pois corre o risco de entrar em coma e morrer, se não fizer hemodiálise. O rim normal filtra a toxina”, afirmou o vereador. Depois de contar que pesquisou o assunto, Camargo disse que os diabéticos também correm risco e que 99% da população desconhece os danos causados pela carambola.
O médico Eduardo Martins Rebec, nefrologista do setor de hemodiálise da Santa Casa de Jaú, confirma o risco no consumo da fruta. “Há risco de morte, sim. O rim de quem tem insuficiência renal não consegue eliminar a toxina, que se acumula no sangue e acomete o sistema nervoso central. Se o portador de insuficiência renal ingerir a carambola, pode ter convulsões e entrar em coma com risco de óbito”, alerta. Para remover a toxina, é feita uma hemodiálise de urgência.

ATENÇÃO: O ASSUNTO É MUITO SÉRIO
Eu soube da periculosidade da carambola quando, em janeiro de 2010, minha esposa esteve internada no Hospital  Albert Einstein, em São Paulo. Na prescrição de sua dieta,  estava explicitamente recomendado que pacientes portadores de insuficiência renal   não deveriam consumir esta fruta.
Moacyr Mansur

TOXINA DA CARAMBOLA…(links no final da noticia)

LEIA MAIS AQUI
 
Sei disto já faz tempo, pois meu pai ficava repetindo: “É muito estranho, porque os passarinhos não bicam as carambolas, mesmo quando estão bem maduras?”

Não deixem de ler mais informações nos links indicados a seguir:
http://www.todafruta.com.br/portal/icNoticiaAberta.asp?idNoticia=8327
http://taibioideias.blogspot.com/2010/03/toxina-da-carambola.html
http://medicinasnaturais.blogspot.com/2008/02/carambolas-vs-doentes-nefrolgicos.html

31 Respostas to “Carambola pode matar doente renal crônico, diz pesquisa”

  1. Marcelo Fetha Says:

    Excelente matéria.

    PARABÉNS.

    Em Jaú SP existe uma lei que obriga os estabelecimentos informarem aos consumidores sobre os riscos da carambola.

    http://www.apanat.org.br/_upload/acervo/11/Fitoterapia%20carambola%20e%20contra%20indicada%20para%20quem%20sofre%20de%20problemas%20renais.pdf

    Abraços

  2. Juraci P Israel Says:

    Vi carambola no supermercado, e fiquei curiosa para saber qual sua função na dieta, e também porque tenho uma de minhas irmãs hospitalizada que, quando deu entrada num certo hospital, por estar apresentando um estranho quadro clínico, foi diagnosticada como “louca”, o que deixou meus sobrinhos indignados, fazendo com que eles procurassem outra instituição, onde ela está sendo tratada. Em setembro de 2009, quando estive na casa dela, ela estava relativamente bem. Vi frutas em sua geladeira, então indaguei sobre o seu tipo de alimentação, ao que minha sobrinha disse estar oferecendo sucos de frutas, batidas, caldo de galinha, devido à sua dificuldade em deglutir. Entre as tais frutas havia carambola(penso ter visto, não tenho certeza). Ela tem problema renal. Ela está em um hospital de Gravataí/RS. Não fala, não se mexe, mas tenho certeza de que está consciente. Eu cantei umas melodias que ela adora, e ela mostrou reação. Éla é uma pessoa ativa, inteligente e, apesar dos seus 78 anos, pode muito bem, viver um tanto mais. Vejamos os exemplos que estão por aí, como Bibi Ferreira, Hebe Camargo, Silvio Santos, a Derci Gonçalves, que chegou aos 100 anos com uma vitalidade de dar inveja. Minha irmã se chama Noema Pinheiro Marinho. Tem como fazedr alguma coisa cpor ela? O telefone do filho que cuida dela, Luiz Carlos Pinheiro Marinho é (51) 8459 8336, ou (51) 9175 8434. Se tiverem possibilidade, entrem em contato com ele, digam que fui eu, Juraci, quem relatou o caso. Eternamente grata. 19.04.2010- àos 00:31 hs.

  3. coecypeEruple Says:

    I enjoyed reading your blog. Keep it that way.

  4. Maria Mickaella Says:

    Muito bom essa materia parabens , muitas pessoas como eu nem sabiam que a carambola pode matar quem tem problema renal como meu amigo .

  5. Francisco Carvalho Says:

    Como é importante esse tipo de informação à populaçao que não tem conhecimento sobre o que pode causar a carambola, em especial aos portadores de insuficiência renal. Seria interessante que houvesse maior divulgação por parte do Ministério da Saúde, das Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde, alertando sobre o fato, para que se evitasse riscos desnecessários. Parabéns pela reportagem e pelo alerta!

  6. HENRIQUE Says:

    “NOSSA, ASSIM VOCE ME MATA”. Eu disse para minha amiga q me deu vários frutos de carambola. Eu nunca comi, más tinha a curiosidade de comer para saber o sabor, tenho vários amigos que me diziam q o fruto era muito gostoso, só q eu achava estranho não ser de grande procura pelas pessoas. NOSSA, depois que li os perigos para pessoas que tem problemas renais e outras…, não quero mais nuca saber o sabor deste fruto tão perigoso. Muito bem feziram os vereadores de uma ciadade de São Paulo, que votaram um projeto alertando aos visitante de lanchonetes para não consumirem o suco deste fruto. ACABEI COM A MINHA CURIOSIDADE.

  7. Simone Says:

    Eu tinha ou tenho uma amiga que há muito tempo não a vejo, ela é baiana e me contava que carambola podia matar , que quando estivesse comendo dava soluços e a pessoa morria , porque ela viu alguem morrer dessa forma , eu ri e falei Lui , querida foi o acaso comer carambola , soluçar e morrer …deixe de se boba , eee laa coisa do interior da bahia ..anos mais tarde descobri que ela estava certa , tive vontade de ligar pra ela e pedir desculpas e falar que ela poderia comer tranquilamente já que ela não tinha nenhum problema de saude, hoje em casa quase ninguem come carambola , eu ainda gosto e muito …Mas confesso que a informação me choca , a materia está otimo pena que quase não se fala disso poderia evitar muita coisa.

  8. kátia. Says:

    Gente eu cresci comendo carambola, tinha um pé bem na janela do meu quarto, muita boa a matéria, bem esclarecedora mas gostaria de saber se pedras nos rins podem aparecer pelo consumo da fruta? Grata.

  9. Jorge Roriz Says:

    Katia
    Não creio que carombola possa causar cálculos renais ( pedra nos rins).

  10. Benito T. Polonorte Says:

    Exatamente o que lí logo acima, fico intrigado com a caramboleira que tenho em meu quintal, os passáros visitam todas as outras fruteiras menos a da carambola, apodrecem aos montões no solo os animais passam ao largo. Há dias apareceu um Sabiá cantando por perto, pus o meu com alçapão embaixo do pé de carambola na esperança de pega-lo, não chegava nem perto, fui pega-lo no pé de manga. Fruta que os animais rejeitam tem qualquer coisa de errado, estou pensando em fazer uma bela fogueira, no São João que se aproxima com a sua lenha.

  11. Jorge Roriz Says:

    Não destrua a carambola. Se a pessoa não tiver problema renal, pode comer a fruta sem problemas.

  12. rosandra Says:

    tenho so um rim nao doente…hoje comi uma carambola e nao estou aguentando de tanta dor.

  13. railena landim lustosa Says:

    Lena disse :
    Ao chegar em casa, após um extenuante dia de trabalho, percebi que durante 9 horas não fiz xixi. Antes de sair de casa, tomei 300 ml de suco concentrado de carambola, in natura. Como o suco dessa fruta é diurético, como é popularmente divulgado, qual o motivo da retenção urinária ? Ou seria justamente o contrário ? A fruta seria determinante para a não diurese?
    Acrescento que não sou portadora de doença renal.

  14. Valério Gois Says:

    Então, sou diabético( tipo 2 ), e adoro comer carambola, porém fiquei com certo receio, após saber que não é muito bom o consumo por diabéticos. Mas, é meio contraditório, pois´nos é recomendado o chá, e ai? Gostaria de mais esclarecimentos sobre!

  15. Eu Says:

    Carambolas!!!!!!

  16. JB Says:

    Bom fiquei sabendo isso agora pois minha mãe está passando mal e tem problemas nos rins e come carambola seguido… Se ela parar de comer, seu vai voltar ao normal??

  17. claudia Says:

    parabéns adorei materia

  18. ALDE SCHNEIDER Says:

    Muito esclarecedora a matéria, parabéns.
    Eu cresci comendo carambola, nunca senti nada , mais sabendo disso, não comerei mais esta fruta tão gostosa.
    grata.

  19. Jorge Roriz Says:

    ALDE
    Se vc não tem problema nos rins, pode comer sem problemas.

  20. Neide Meireles Says:

    é realmente agora fiquei com medo de comer carambola depois de ver que foi comprovado cientificamente que faz mal para pessoas que tem problemas renais e eu gosto muito de carambola tem muitas em minha fruteira trouxe da chácara da minha irmã

  21. José Antonio de Santana Says:

    Aprendi com meu Pai: toda fruta que cai ao chão, pássaros e outros animais não as comem, saiam fora dela, pois é veneno.

  22. eulalia m s caruso Says:

    gostei d notiça não sabia é muito importante.

  23. Carlos Roberto Batista de Menezes Says:

    muito bom , a materia sei do mal que a carabola, pode causar nunca fui de consumir essa fruta, e muito menos agora acabei de ver um clip. rural na Globo incentivando o conssumo que é plantado por um Imigrante niponico, no interior do, estado de S Paulo ameu ver paracem que ignoram este assunto na cidade de Mirandopolis est. de S.Paulo então resolvemos pesquizar mas de antemão já sabia do mal que ela pode causar.

  24. Rosa Galvão de Araújo Says:

    Eu gosto muito do suco de carambolas,tenho no meu quintal,elas são lindas e muito apetitosas,porém após essa matéria agora,colho as lindas frutas e deixo enfeitando a cesta de outras frutas mas não tenho coragem de consumir,estou tomando o suco das folhas e parece que emagreci …será ??? No entanto,
    parabenizo a todos por esta matéria muito esclarecedora e com muitas participações úteis…obrigada e boa saúde…

  25. IARA APARECIDA DAS NEVES Says:

    BOA TARDE,EU GOSTO MUITO DE CARAMBOLA,MEU IRMÃO TEM PLANTADO NO QUINTAL DELE,MINHA MÃE TROUXE ALGUMAS PARA CASA E FEZ UM SUCO,CLARO QUE NÃO RESISTI,SO TEM UM PROBLEMA E GOSTARIA DE SABER SE EU POSSO OU NÃO TOMAR DENOVO POIS TENHO 2 SISTOS UM EM CADA RIM,NO ESQUERDO TEM MAIS DE 9CM E NO DIREITO MAIS DE 5 CM,TEM ALGUM PERIGO,TENHO 55 ANOS,BRIGADA,FICO NO AGUARDO DE UMA RESPOSTA

  26. guilherme henrique Says:

    Bom dia. Tenho insuficiencia renal, descobri a 7 anos. E sempre comi carambola, mas em pequena quantidade. Porem apos a descoberta do meu problema eu qse nao comi mais. Devo ter comido umas 3 ou 4 vezes. E nunca senti nada estranho. Gostaria de saber se posso de vez em qdo comer uma. Minha deficiencia he que meu rin nao elimina acido urico. Aguardo resposta

  27. Jorge Roriz Says:

    LEIA A REPORTAGEM E TIRE SUAS CONCLUSÕES
    LEVE A MATÉRIA PARA UM MÉDICO LER.( SOBRE OS EFEITOS DA CARAMBOLA PARA QUEM POSSUI PROBLEMAS) ISTO NÃO É LENDA.
    NÃO POSSO RESPONDER SE VC PODE OU NÃO INGERIR ALGO. EU NO SEU LUGAR,NÃO ARRISCARIA.

  28. Cesar Ribeiro Says:

    Gostaria de saber se possocomer ou tomar suco de carambolas, uma vez que tenho problemas com glicemia auta, já faço uso de medicamenos para controle de diabetes?, Minha mãe teve complicações de insuficiencia renal e o medico disse para ela não chegar perto de carambolas, Por outro lado pessoas me indicaram o chá de folhas de carambolas para abaixar a clicemia que tevo fazer ?

  29. Abmael Marcelo dos Santos Says:

    Caro Cesar Ribeiro,siga a orientação que o Sr.Jorge Roriz explicou no seu comentário,tire cópia da “Matéria”,e leve-a ao seu médico,e em seguida apresente esta “Matéria”ao Conselho de Saúde de sua Cidade,como um bom cidadão participativo.

  30. joelcio barbosa silva Says:

    sera que posso comer carambolas tendo so um rim.

  31. Jorge Roriz Says:

    PERGUNTE AO SEU MÉDICO.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s